Este ano o Projeto Amazônia de Magnificat foi realizado entre os dias 18 a 26 de julho. Foi uma experiência “magnífica”, um mergulho no Divino e integração dos 56 missionários, em sua maioria jovens e adolescentes vindos de vários estados do Brasil – Ceará, Maranhão, Pará, Piauí, Sergipe, São Paulo e representantes da Mariápolis Gloria e Mariápolis Ginetta, além de dois jovens italianos e um da Colômbia.

Foram momentos de unidade, alegria, festa e participação na vida dos moradores do local. Muitas pessoas foram visitadas! Muita receptividade, escuta e troca de experiências.

A programação foi intensa e teve início com a chegada das crianças da comunidade (de 6 a 12 anos) que participaram de manhã da grande gincana e à tarde os adolescentes e jovens (cerca de 40 entre 13 e 20 anos) que participaram das oficinas de arte artesanato e pintura, dança, música (aula de violão), fotografia e construção de pipas.

18

A providência não faltou: chegaram 20 litros de leite, 50 Kg de melancia, 75 Kg de feijão verde, e outras verduras e saladas, como também 10 Kg de limão, 5 Kg de macaxeira, 120 Kg de arroz, 1700 pães e 300 litros de iogurte, além de chapéus que foram doados pela comunidade de São José dos Campos e foram utilizados pelos missionários nas visitas às famílias.

Foi um verdadeiro laboratório de fraternidade em ação, em amar todos sem distinção. A alegria dos habitantes das comunidades estava gravada nos rostos e na acolhida. Em cada comunidade visitada, o encerramento era feito com a celebração da Santa Missa, muito esperada por todos, pois em alguns locais só é feita a celebração uma vez ao ano.

Uma grande moeda foi sem dúvida o falecimento do adolescente Gabriel Solto poucos dias antes. Ele faria parte do Projeto Amazônia.

2015-07-21 12.44.10

Em cada família visitada, os missionários presenteavam os moradores com uma pequena placa que era pendurada frente da casa com uma frase de Chiara Lubich: “Nada do que é feito por amor é pequeno”.

“Fiquei muito feliz por receber os missionários do Projeto Amazônia na minha comunidade. Vocês são condutores do amor de Deus para a humanidade. Eu quero fazer o mesmo”, disse Sr. Jesus. Martiniano, de Campo Rio, afirmou: “Para mim foi muito importante a vinda de vocês aqui até nós pra nos falar de Deus porque sem Deus nós não somos nada e aprendemos muito com vocês”.

Débora, uma adolescente de São Luis (MA), que participou do Projeto, declarou: “Foram belos dias, horas memoráveis e momentos inesquecíveis. Nada que é feito por amor é, de fato, pequeno. Cada visita, cada sorriso, cada conversa e cada lembrança enriqueceram o coração de cada um de forma esplêndida! Mesmo com as nossas dificuldades e com os nossos limites, fizemos algo maravilhoso durante esses dias!”.

???????????????????????????????

Um adolescente de Fortaleza foi enfático: “O Projeto Amazônia foi a melhor coisa que me aconteceu, me fez amar mais, ser menos egoísta, ser humilde e me fez interagir com novas pessoas e culturas”.

“O Projeto Amazônia é uma experiência magnífica, vendo a realidade da comunidade entendemos que nossos problemas não são tão grandes assim. É muito bom encontrar pessoas tão humildes e acolhedoras que nos fazem sentir como se estivéssemos em casa. Além disso, é uma transformação da mente, e um grande alimento espiritual, visto que é lindo como o Ideal da unidade é compartilhado e inserido. Voltarei para casa diferente com várias coisas boas”, disse Vitor Cruz, adolescente de São José dos Campos (SP).

???????????????????????????????

 

Mariápolis 2015

O projeto Amazônia concluiu-se com a Mariápolis 2015 em Magnificat, com a participação de 138 mariapolitas, entre missionários, membros da comunidade local e visitantes. Foram dias de festa, depois de relacionamentos construídos em uma semana plena de unidade vivida nas comunidades de Magnificat.

O primeiro dia da Mariápolis ficou marcado com uma breve apresentação da Encíclica “Laudato Si” que imediatamente gerou uma ação concreta: recolher juntos os plásticos de doces, as fitas das pipas e papel que estavam no pátio principal de Magnificat. Também foi falado sobre a Arte de Amar com experiências de uma família de São José dos Campos e de um casal de São Luis. A conclusão do dia foi com uma noite cultural, repleta de músicas, apresentações, poesia, piadas e, para refrescar, um delicioso sorvete doado por um dos participantes.

???????????????????????????????

Uma promotora de justiça, que participava da Mariápolis, contou sobre os desafios e as dores do seu trabalho com jovens infratores. “Hoje entendi que o que falta aos jovens é ter uma família. Nós, aqui, somos uma família, somos o que eles precisam. Escutar as experiências dos adolescentes fez meu coração se encher de esperança”.

Para coroar aqueles dias extraordinários, a Mariápolis se concluiu com o tema da Eucaristia, que marcou a todos com um amor maior e renovado empenho em serem  Jesus para a humanidade! Novamente uma explosão de alegria e muito Amor!

???????????????????????????????

Veja o vídeo com os participantes do Projeto Amazônia em Magnificat contando a experiência em primeira pessoa: https://www.youtube.com/watch?v=_tHSs6JtoWY&app=desktop


Compartilhe no

Facebook WhatsApp

Regolamento (500)