Mais de mil pessoas nas comemorações dos 25 anos da EdC no Brasil

 

Em eventos realizados em seis cidades brasileiras, cerca de mil pessoas prestigiaram as ações em comemoração aos 25 anos da Economia de Comunhão (EdC) no mundo, celebrados oficialmente no dia 29 de maio. As atividades começaram no dia 28 de maio, na Mariápolis Ginetta, em Vargem Grande Paulista (SP), e já passaram pelo Rio de Janeiro (RJ), Porto Alegre (RS), Palhoça (SC), Campina Grande (PB) e Curitiba (PR). Ainda estão programados eventos para Manaus (AM), Brasília (DF) e a comemoração nacional que será em outubro, na Mariápolis Santa Maria, em Igarassu (PE).

Assista o vídeo em comemoração aos 25 anos da EdC.

 

Mariápolis Ginetta – Vargem Grande Paulista – São Paulo

A primeira comemoração ocorreu no auditório da Mariápolis Ginetta, local onde, há 25 anos, Chiara Lubich lançava a ousada proposta da Economia de Comunhão. Estavam presentes algumas pessoas que foram pioneiras da EdC no Brasil, que ao contarem alguns episódios pitorescos do início, levaram o público a mergulhar na história de um projeto audacioso.

Na plateia, mais de 400 pessoas prestigiaram a comemoração. Entre os convidados estavam o casal de empresários Luiz Carlos e Margarida Santos, além de Ricardo Caiuby de Faria, que foi o primeiro presidente da ESPRI, empresa criada para desenvolver e fomentar o polo empresarial Spartaco, primeiro polo da Edc no mundo.

Eles estavam presentes naquela data de 29 de maio de 1991, onde tudo começou. Ricardo relembrou emocionado de tantos momentos em que a fé era quem guiava a construção do polo. “Um dia nos deparamos com um estudo hidrográfico do terreno do polo que dizia que naqueles lençóis não havia água, ou seja, impossibilitava todo um projeto de abastecimento e, portanto, não adiantava cavar o poço. E antes de nos abatermos, para minha surpresa Ginetta Calliari disse: fura! E mesmo dizendo-lhe sobre o estudo, ela disse para furar. Resultado: furamos e tinha água. No início, foram muitos momentos assim, sentíamos a mão do nosso ‘sócio invisível’ conduzindo cada situação”, destacou, remetendo-se a Deus.

Na segunda parte do evento, contaram suas experiências na EdC o empresário Marcelo Cassa, de Londrina (PR); o jovem Flávio Toledo, de Botucatu (SP); o músico Roney Marczak, também de Londrina (PR), que recebe apoio local da EdC no seu projeto social; e Vera Lúcia de Oliveira, funcionária da Uniben, uma empresa da EdC. Foi um bloco de relatos concretos sobre a experiência de vivenciar a EdC no cotidiano.

 

Rio de Janeiro

Gratidão e felicidade marcaram a comemoração no Rio de Janeiro, realizada no dia 29 de maio, no focolare feminino, localizado no bairro Laranjeiras. Vinte e duas pessoas prestigiaram a celebração, entre professores, estudantes, empresários e simpatizantes do projeto.

Durante o evento, o vídeo dos 25 anos proporcionou momentos de comunhão. Algumas manifestações recordaram situações como a aventura no período de pesquisa para tese de doutorado; da forte experiência por ter sido beneficiária da ajuda da EdC; da vida empresarial com suas dores e alegrias, bem como da perseverança ao projeto; dos encontros mensais que procuram manter acesa a chama da EdC. E como novo fruto, a notícia da atividade que se inicia no distrito de Santo Aleixo, na área de produtos orgânicos.

Porto Alegre – Rio Grande do Sul

No dia 1º de junho, no auditório do Urban Concept Office, bairro Boa Vista, em Porto Alegre (RS), cerca de 40 pessoas participaram do evento de lançamento do livro “Tensão Ética entre Racionalidades: Um Olhar sob a Economia de Comunhão”, de autoria de Silvia Barros e Aida Lovison.

O evento também aconteceu em comemoração aos 25 anos da EdC. Ao longo do lançamento, as autoras apresentaram a temática do livro e em seguida abriu-se um momento de diálogo com os convidados.

 

Palhoça – Santa Catarina

Já no dia 2 de junho, em Palhoça (SC), alguns empresários e simpatizantes da EdC se reuniram na empresa Ateliê Natural, localizada no Passeio Pedra Branca, para também comemorar os 25 anos da EdC. Num singelo momento de descontração e amizade, assistiram ao vídeo dos 25 anos e trocaram experiências.

Para o empresário Diogo Steinbach, “viver a EdC é uma oportunidade de realmente dar sentido à escolha de ser um empresário. Ela demonstra que a beleza de ser um empresário está muito acima da relações comerciais e econômicas, mas sim nas relações humanas que são criadas e na possibilidade de fazer o bem a quem está ao nosso redor.”

Campina Grande – Paraíba

Em Campina Grande (PB), no dia 4 de junho, mais de 70 pessoas participaram do evento “Tempos de Desafios, Soluções Ousadas: Diálogos sobre Economia de Comunhão”, realizado no auditório da Federação das Indústrias do Estado da Paraíba, com transmissão ao vivo pela WebTV Tropicana. A programação contou com as partilhas de Maria Clézia Pinto, gestora de projetos da Anpecom, que expressou os principais momentos dos 25 anos da EdC e apresentou os fundamentos desse projeto econômico; além de Inês e Marcos Gugel, empresários inspirados na EdC, de Igarassu (PE), que apresentaram a experiência da Padaria Campo Fértile, localizada nesse mesmo município pernambucano.

Participaram também William Soares, professor da Universidade Estadual do Ceará e pesquisador EdC, que partilhou a experiência de pesquisa que ele realiza em uma entidade, que atua inspirada na EdC, localizada no município de Branquinha (Alagoas); bem como Cláudia Canova, empreendedora Social de Natal (RN) que explicou em detalhes como funciona o Programa de Fortalecimento de Negócios Inclusivos de Comunhão, promovido pela Anpecom. Encerrando as partilhas, a pesquisadora Raiana Lira, de Garanhuns (PE), relatou a experiência de estágio que viveu na empresa Mundell & Associates, em Indianápolis (Estados Unidos).

Curitiba – Paraná

No dia 8 de junho, Curitiba (PR) também entrou no circuito de comemorações e reuniu cerca de 120 pessoas no Auditório Carteiro Osvaldo Teixeira, da Agência dos Correios João Negrão.

Na programação, o professor Ricardo Meirelles de Faria, da FGV, explicou o que é EdC, foi exibido e vídeo comemorativo dos 25 anos do projeto, bem como foram apresentados cases de empresários e atores da Economia de Comunhão.


Compartilhe no

Facebook WhatsApp

Regolamento (500)