Agir diante de Deus

 

Maria assumiu um compromisso diante de Deus e o cumpriu por toda a sua vida.
Aceitou ser a mãe do Salvador; protegeu o menino Jesus de Herodes fugindo para o Egito junto com José; cuidou Dele enquanto crescia; acompanhou-o em sua vida pública, com o coração e muitas vezes de perto; permaneceu de pé ao seu lado quando estava na cruz; certamente conviveu com Ele após a ressurreição; permaneceu junto aos apóstolos esperando a manifestação do Espírito Santo; viveu com a comunidade dos primeiros cristãos sendo exemplo de discípula e testemunhando a fé em Cristo.
Creio que quando Jesus afirmou que, quem faz a vontade de seu Pai torna-se sua mãe, sua irmã e seu irmão, demonstrou que Maria foi duplamente sua mãe e também sua irmã, pois ela foi o exemplo de criatura que agiu sempre diante Deus, fazendo a Sua vontade.
Que nós saibamos agir como Maria, cumprindo a vontade de Deus nas pequenas e grandes coisas, agindo sempre diante Dele.

Apolonio Carvalho Nascimento

Regolamento (500)