Gaúchos homenageiam Chiara com diversas celebrações

 

A comunidade do Rio Grande do Sul celebrou em diversos pontos do estado os 10 anos da partida de Chiara Lubich.

Em São Leopoldo, Padre Ramiro, que não participa do Movimento dos Focolares, mas fez uma homilia inspirada sobre a vida de Chiara Lubich, ressaltando sua escolha radical de Deus e a abertura ao diferente.

Em Porto Alegre, também na missa, Padre Francisco Ledur destacou a contribuição de Chiara à Igreja e aconselhou a todos os presentes a imitá-la como leiga.

Missa em Rio Grande

A comunidade de Guaporé também ajudou na preparação da liturgia da missa e tiveram a oportunidade de ler um pouco da sua história enquanto uma foto era projetada no telão. Durante a homilia, Chiara também surgiu como exemplo para a vida leiga, como alguém que inclusive abriu o diálogo com os irmãos de outras denominações cristãs.

Em Rio Grande, a celebração ressaltou a vocação de Chiara a seguir sempre a Vontade de Deus e a viver o Evangelho.

Em Lajeado, o padre também refletiu sobre a vida de Chiara. Na celebração também esteve presente uma pastora da Igreja Pentecostal Cristo Vive, que é uma simpatizante do Movimento. Fruto de um relacionamento belo e profundo da comunidade de Lajeado.

Regolamento (500)