Uma Mariápolis especial na zona rural do Maranhão

 

Ainda nos anos 1980, os membros do Movimento dos Focolares do Piauí começaram a desenvolver algumas ações religiosas e comunitárias na Comunidade Estiva, localizada a 10km de Caxias, no Maranhão, também próxima a Teresina, e composta essencialmente por famílias de agricultores.

Com o tempo, a viva comunidade de Estiva, mesmo com tantas necessidades básicas, começou a se nutrir cada vez mais do carisma da Unidade, buscando aprofundar a prática das palavras do Evangelho.

Por isso, já há alguns anos, a comunidade do Movimento dos Focolares realiza uma Mariápolis nessa localidade, a fim de proporcionar dias de convivência em família para todos, especialmente para os jovens. Neste ano, a Mariápolis aconteceu nos dias 17 e 18 de março!

O evento é sempre marcante. Neste ano não foi diferente. Todos se empenharam em cuidar de tudo, desde a logística e acolhida, até a preparação dos temas e da noite cultural.

O tema foi “Faça-se em mim segundo a tua palavra” e impressionou os participantes, tanto locais quanto de outras comunidades.

Durante aqueles dois dias, convivência foi de uma verdadeira família, com muita interação entre os vários grupos e gerações.

Como parte do programa, a comunidade aprofundou os pontos da Arte de Amar de forma dinâmica e concreta e também meditou sobre o tema de Maria, após o qual todos se propuseram a colocar em prática as suas virtudes.

Foram abordados também vários aspectos sobre a família, com experiências concretas – como sugestão da própria comunidade.

Todos saíram de lá felizes e agradecidos, com o propósito de continuar essa vivência de amor e de aventura da unidade, entregando tudo a Deus.

 

Algumas impressões dos participantes sobre a Mariápolis:

 

“Foi ótimo! Conhecemos tudo sobre o ideal e a forma de concretizar o amor reciproco.” Júlia, 13 anos.

“Gostei muito da Mariápolis. Entendi que Deus está no coração de cada um de nós”. Maria, 66 anos.

“A Mariápolis foi magnifica. A melhor de todas, gostei muito da divisão dos grupos para falar da arte de amar. A noite cultural ficou marcado na memória.” Fernanda, 18 anos.

“Foi tudo perfeito, adorei as experiências sobre a família que é tudo na nossa vida. Saio daqui aliviado, de alma limpa.” Mario, 31 anos.

“Uma impressão muito boa. Agradeço a oportunidade, pois vivenciar o amor por quase 24 horas deveria ser universal. Que eu possa levar adiante essa experiência em todas as minhas vivencias diárias”. Samara, 34 anos.

 

Regolamento (500)