Fazer cada coisa por Deus

 

Faz muito bem para a minha vida quando eu confirmo a intenção dos meus atos com um “Por ti”. Dá sentido a tudo o que faço, fica estabelecida, naquele momento, uma cooperação: não sou mais eu sozinho que faço as coisas, mas Deus está comigo.
A intenção de amar redobra, a atenção ao irmão também, pois estou fazendo um gesto dirigido diretamente a Deus.
Tudo: cada gesto, cada palavra, cada atitude em casa ou no trabalho, cada coisa “Por ti, Jesus” ou ” Para ti, meu Deus”.
O desejo de amar já é amor, mas um gesto de amor concreto declarado é o selo de uma relação sincera entre mim e Deus.
Que no final deste dia eu possa fazer um exame de consciência e perceber que a minha jornada foi uma obra-prima de amor, construída em coautoria com o próprio Deus.

Apolonio Carvalho Nascimento


Compartilhe no

Facebook WhatsApp

Regolamento (500)