Dar preferência aos excluídos e rejeitados

 

Existem muitas situações de exclusão e rejeição na sociedade. Basta criar regras com pré-requisitos de participação em qualquer tipo de instituição, que algumas pessoas serão automaticamente excluídas e rejeitadas.
Se não estivermos atentos, agiremos da mesma forma.
Às vezes, sem perceber, criamos em nossa mente processos seletivos para as nossas amizades ou em nossas relações de trabalho, ou com relação aos ambientes que frequentamos.
O amor ao próximo nos leva a fazer uma opção preferencial por pessoas que são excluídas e rejeitadas. Devemos amar a todos, sem exceção, mas dando preferência a quem mais precisa de nosso amor.
Algumas vezes em minha vida deparei com pessoas problemáticas, que por natureza eu tenderia a evitar. Escolhi preferi-las em vez de rejeitá-las, e o resultado foi sempre surpreendente: gratidão e alegria para ambos.
Constatei que, quando amamos sem pretensões, Deus opera milagres.

Apolonio Carvalho Nascimento


Compartilhe no

Facebook WhatsApp

Regolamento (500)