Que o amor seja o ponto de partida e de chegada deste dia

 

O mais importante de tudo é que o amor não tenha nunca um ponto de parada.
O amor deve permear a nossa vida a cada momento presente, deste modo ele será sempre o nosso ponto de partida: a intenção de amar já é amor, mas ela deve se tornar concreta em cada gesto nosso durante o dia.
O amor deve ser a nossa meta, o nosso ponto de chegada: amar até o fim.
Em cada planejamento para o dia o primeiro item deve ser fazer tudo com amor e por amor.
Porém, não devemos limitar o amor ao afeto, a algo sentimental. Ele deve expressar a intenção de servir a todos: tudo o que fazemos, tudo o que pensamos, deve ter como motivo de fundo o serviço ao próximo.
Um bom exemplo é o nosso trabalho profissional. Se colocarmos a intenção de fazer cada coisa pensando em servir bem a todas as pessoas que irão usufruir do nosso trabalho, o amor será o nosso ponto de partida e de chegada durante o dia inteiro.
Em qualquer outra situação em que nos encontrarmos, o amor poderá ser a nossa motivação inicial e a nossa meta final.
Que o amor seja o fio de ouro que interliga todas as ações do nosso dia.

Apolonio Carvalho Nascimento


Compartilhe no

Facebook WhatsApp

Regolamento (500)