Agir em plena concórdia

 

Não existe concórdia sem renúncias. Mais do que de renúncias, eu falaria de desapegos e de aceitação do outro.
A concórdia não é uma uniformidade de ideias, é muito mais que isso. É estar unânimes na vivência do bem que destrói o mal; é estar unidos através do amor mútuo, que está acima dos credos, das culturas, das ideologias.
O amor permeia tudo e dá o verdadeiro valor a cada coisa.
Portanto, o caminho da concórdia é o caminho do amor mútuo escolhido como estilo de vida.
Concórdia é saber que a escuta é mais importante que o falar; é saber que o diálogo é o início dessa estrada, iluminada pela tolerância e pelo respeito às diferenças, é saber que podemos agir juntos e em paz rumo à unidade.

Apolonio Carvalho Nascimento


Compartilhe no

Facebook WhatsApp

Regolamento (500)