Bahia: incansáveis na solidariedade

 

A comunidade de Salvador não tardou em pensar nos mais necessitados em tempos de pandemia. Logo se mobilizaram para levar doações à comunidade do Quilombo Rio dos Macacos. Uma primeira doação foi feita, mas ainda era insuficiente para todas as famílias. Voltaram a pedir contribuições em grupos de redes sociais quando receberam a notícia de que uma instituição tinha uma quantia considerável para doar. Imediatamente, a comunidade de Salvador providenciou para que as cestas fossem entregues.

“Diante do cêntuplo que chegou, recordávamos dos primeiros tempos, do Focolare, da praça dos Capuchinhos, que quanto mais Chiara e suas companheiras doavam aquilo que tinham aos necessitados, mais a providência divina chegava. Para nós, continua sendo Deus que não se deixava vencer em generosidade e mais uma vez, se manifesta na história do nosso movimento”, escreveram para o nosso site.

Em Ilhéus

E não pararam por aí. Em um dos encontros virtuais da comunidade de Ilhéus, tiveram a ideia de gravar um vídeo contando quem eram e no qual aparecia um cartaz escrito “Dai e vos será dado” a fim de pedir mais contribuições para amigos e familiares. Em menos de 24 horas, arrecadaram uma quantia considerável, que dessa vez teve como destino o bairro Nossa Senhora da Vitória, na periferia de Ilhéus.

“Na primeira semana de abril compramos e distribuímos cestas básicas para 5 famílias e deixamos um valor em dinheiro numa padaria do bairro (também como uma forma de ajudar o comércio local) para que as pessoas pudessem ir comprar pães. Na segunda semana de abril já conseguimos comprar cestas básicas para 7 famílias, então até o momento são 12 famílias ajudadas”, contaram.

Mesmo diante do desafio de ir ao mercado com máscaras, luvas, álcool gel, a comunidade de Ilhéus não desistiu. Com todos os cuidados necessários, não mediram esforços para montar as cestas e enviar para as famílias.

Uma das voluntárias da ação lembrou: “vendo duas de vocês saindo com máscaras, luvas para ir às compras me lembrava da experiência de Chiara e suas companheiras indo ao encontro dos irmãos necessitados”.

Ainda em Ilhéus, a incasável comunidade também tem colaborado com a Fazenda da Esperança, divulgando suas ações de arrecadação para seus contatos. Além disso, também para a Fazenda a comunidade tem feito doações de alimentos.


Compartilhe no

Facebook WhatsApp

Regolamento (500)