De família para família

 

 

De todo o Brasil chegam relatos para o nosso site de como as famílias ligadas ao Movimento dos Focolares, as Famílias Novas, têm buscado acolher as necessidades e os sofrimentos de outras famílias nesse período de pandemia.

No Rio de Janeiro, elas se uniram para arrecadar doações para outras famílias sem trabalho fixo e que nesse momento enfrentam muitos desafios. Os recursos foram providenciais para ajudar as necessidades de todo o grupo e ainda puderam direcionar parte das doações para duas pessoas especiais.

Uma delas, uma senhora com problemas psiquiátricos que agora poderá ter um cômodo com banheiro no terreno da família para ser melhor acolhida.

O outro, um senhor que recentemente deixou seu trabalho para cuidar da mãe que estava muito doente. Após o falecimento da mãe, ficou responsável por cuidar de um irmão com necessidades especiais. Com a pandemia, não conseguiu mais trabalho. Com o auxílio do grupo de Famílias Novas conseguiu encaminhar os papeis para o benefício emergencial do governo.

Em Belém, uma família ficou sem trabalho e foi despejada de casa. O grupo de Famílias Novas então se reuniu, fez uma comunhão entre todos e conseguiram um valor para pagar dois meses do aluguel, comprar alimentos e itens de necessidades básicas.

A comunhão em Belém também chegou a um casal que havia sofrido um acidente de moto e, com a pandemia, não conseguiu mais retomar o trabalho. As doações têm sustentado suas necessidades essenciais.

Também em Belém, o amor desse grupo chegou também a uma família de 3 filhos em que ambos os pais foram infectados pelo coronavírus. Todos se uniram para ajudar no tratamento, além de comprarem frutas para ajudar na recuperação.

E do Sul do país, chegou também esse agradecimento para o auxílio proveniente de Famílias Novas.

“Quero agradecer por mais esta bênção de Deus, pois quando seguimos seus caminhos, Ele nunca nos desampara …  estávamos vivendo um momento muito difícil, saíamos de casa de manhã e voltávamos para casa (tanto eu e também meu esposo) sem comer e sem nada para as crianças. Sem esperar, recebi uma ajuda providencial de Deus através das famílias. Foi experimentar que de fato Deus envia seus anjos… Deus ilumine sempre cada um de vocês, grande abraço.”

Em João Pessoa, as famílias se reuniram virtualmente no final de maio em uma conferência com mais de 200 pessoas, de 21 cidades dos estados de Pernambuco, Paraíba e Rio Grande do Norte. O programa contemplou orações por este momento de pandemia, músicas, depoimentos de diversas famílias, um vídeo de Chiara Lubich e até uma dinâmica. Um momento de imensa alegria em meio a um tempo de tantas dores e desafios.

No vídeo de Chiara as famílias refletiram que a vida do Ideal da Unidade deve ser levada à frente com os dois pés: em um, o ressuscitado dentro de nós que deve ser cultivado cada dia mais e no outro, a presença do ressuscitado entre nós que é a presença de Jesus em meio.

“Poder fazer uma reavaliação de toda vida, desacelerar e entender o propósito que Deus tem sobre cada um de nós. Para que possamos viver essa vida em família na plenitude, onde a dor e as dificuldades não têm a última palavra e o amor vence tudo! Estamos experimentando a cada dia o amor de Deus sobre nós!”, escreveu um dos participantes. 

 

 


Compartilhe no

Facebook WhatsApp

Regolamento (500)