O amor de Deus é fonte de liberdade

 

A verdadeira liberdade é vivida na fidelidade ao amor.
O amor de Deus liberta porque nos faz ser desprendidos de coisas, de pessoas e de opiniões. Quem é fiel à prática desse amor experimenta a liberdade dentro do próprio coração.
Ser fiel ao amor é superar o egoísmo com o empenho diário de amar a todos sem distinção; é amar em primeiro lugar sem esperar nada em troca.
Ser fiel ao amor é “fazer-se um” com o próximo em tudo, exceto no pecado; é amar o outro como ele gostaria de ser amado.
O verdadeiro conceito de liberdade não é fazer tudo o que queremos, mas é ser fiel ao amor em tudo o que fazemos.
Quem ama é fiel a si mesmo e é fiel a Deus. E o amor de Deus nos torna livres.

Apolonio Carvalho Nascimento


Compartilhe no

Facebook WhatsApp

Regolamento (500)